Pages

Aguardem

Aguardem

domingo, 5 de julho de 2015

Esposa teria traído cantor Latino com ex-jogador

Esposa teria traído cantor Latino com ex-jogador (Foto: Reprodução)

A "crise" no casamento do cantor Latino e Rayanne Morais pode ser maior do que se imagina: para pessoas próximas é o fim do casamento.

Segundo informações publicadas no portal O Dia, um amigo do casal afirmou que Latino flagrou uma traição de Rayanne com um ex-jogador de futebol. Ela teria simulado um sequestro relâmpago de duas horas, mas ele teria descoberto tudo.

A fonte afirma ainda que, desde então, o casal estaria separado.

Procurados pela reportagem, Latino disse apenas "estou sem chão, amigo. Desculpa! Pergunta pra ela.” Já Rayanne, disse que “não é o tipo de mulher que casa para se separar, o meu casamento foi feito sob a bênção de Deus e é Ele que rege a minha vida”.

Depois de ler o que o tal "amigo" do casal contou, Rayanne perdeu a compostura divina: “Tô p… com essa história! Tô p… com essa vaca que está fazendo este inferno, vou dar um cacete nessa pessoa. Isso é uma ‘fofocaiada’ danada. Não estamos separados nem vamos nos separar”, disse.

Sobre a declaração de Latino, que disse “estar sem chão”, Rayanne explicou: “Por que ele disse isso? Porque homem é fraco, mas eu sou forte, muito mais forte do que ele imagina. Agora eu vou com essa história até o final.”

(DOL com informações de O Dia)

Atacante Jobson é detido em Conceição do Araguaia

Atacante Jobson é detido em Conceição do Araguaia (Foto: Divulgação/Botafogo Oficial)

O atacante Jobson foi detido na madrugada da última sexta-feira (3), no município de Conceição do Araguaia, no sudeste paraense. O ex-jogador do Botafogo foi flagrado dirigindo embriagado na região.
Policiais afirmam, ainda, que o jogador resistiu a prisão. Jobson foi liberado na tarde deste sábado (4), após pagar dois salários mínimos de fiança. 

O atacante é conhecido pelo envolvido em polêmicas e casos de indisciplina no futebol.
(DOL)

Reclamações seguem constantes contra telefonia

Reclamações seguem constantes contra telefonia (Foto: Alberto Bitar)

De janeiro a junho deste ano, dos 7.506 atendimentos registrados na Diretoria de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-PA), 1.503, ou 20% do total, eram sobre os serviços de telefonia. Das cerca de 1.700 reclamações registradas no órgão envolvendo serviços de telefonia até o dia 19/06, cerca de 53% se referiam à telefonia móvel, envolvendo principalmente má prestação de serviço, cobranças abusivas, problemas com velocidade da internet e sinal ruim.

As operadoras Claro e Tim se revezam na liderança no ranking de reclamações do Procon na área de telefonia móvel no Pará nos últimos anos. Em 2013, quem liderou foi a Tim (827), vindo em seguida a Claro (729), Oi (681) e na quarta colocação a Vivo (370). A Sky aparecia com 444 reclamações.

eEm 2014, quem liderava o ranking era a Claro (579), seguida pela Tim (575), Vivo (465) e Oi (330). A NET aparece em primeiro entre as empresas de TV por assinatura mais reclamadas (359), seguida pela Sky (349). Neste ano, até o último dia 25 a Claro continua na ponta das reclamações (366), seguida agora pela Vivo (340), Tim (319) e Oi (236).

No ranking de atendimentos do Procon, a Telemar Norte Leste S.A liderou as reclamações na telefonia fixa, com 1.382 atendimentos, número que subiu para 1.614 em 2014. Até o último dia 25 já havia 576 reclamações registradas contra a empresa.

Em 2013, no que se refere ao tipo de reclamação envolvendo empresas de telefonia celular, a cobrança indevida/abusiva liderou disparado o ranking (796), vindo em seguida problemas com resolução de demanda (228) e recusa injustificada em prestar o serviço (206). Em 2014, a cobrança indevida abusiva permaneceu no topo (669), seguido por recusa na prestação de serviço (148) e problemas na resolução e demandas (121). Este ano, até o último dia 25 a cobrança indevida abusiva permanecia na frente (540), seguida pela recusa na prestação e serviço (83) e dúvidas sobre cobranças (58).

Ao procurar o Procon, o consumidor registra sua queixa e, em seguida, é gerada uma notificação à empresa, que tem o prazo de dez dias para mandar sua justificativa. Caso isso não aconteça, é marcada uma audiência de conciliação entre as partes.

A coordenadora de Atendimento, Shirley Oliveira, orienta que o consumidor antes de buscar o Procon para formalizar sua reclamação, deve procurar a empresa prestadora de serviço. “Se o problema não for resolvido, o órgão oferece apoio ao consumidor por meio de uma análise sobre a relação de consumo efetuado ou fazendo contato direto com a empresa, podendo até abrir um processo administrativo ou aplicar multas.”

Dilma foi espionada pelos EUA

Dilma foi espionada pelos EUA (Foto: Agência Brasil)

A organização WikiLeaks divulgou ontem uma lista de supostos documentos da Agência de Segurança Nacional dos EUA (NSA) revelando que o monitoramento ao governo brasileiro incluiu grampos a assessores próximos da presidente Dilma Rousseff, ministros e autoridades do Banco Central. Segundo o site da organização, conhecida por vazar documentos sigilosos, 29 telefones de atuais e ex-integrantes do governo teriam sido grampeados no início do primeiro mandato de Dilma pela agência. Não está claro o teor das conversas obtidas.

Entre os alvos de grampo listados estão o ex-chefe da Casa Civil Antonio Palocci e o então secretário-executivo do Ministério da Fazenda e hoje ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, além do ex-chanceler e atual embaixador em Washington, Luiz Alberto Figueiredo. Em junho de 2013, veio à tona que Dilma e alguns de seus principais assessores foram alvo de espionagem da NSA, assim como os governos de outros 15 países, como a França e a Alemanha. A Petrobras também teria sido monitorada.

A revelação abriu uma crise entre os dois governos que levou ao cancelamento da visita de Estado de Dilma aos EUA prevista para aquele ano. A questão só foi superada recentemente, quando a viagem oficial da presidente foi remarcada.

A nova divulgação ocorre quatro dias após Dilma ser recebida pelo presidente Barack Obama na Casa Branca e os dois líderes trocarem declarações de 
confiança.

PANOS QUENTES

O Palácio do Planalto minimizou o novo episódio. A reportagem procurou o Departamento de Estado dos EUA, mas, até a conclusão desta edição, o governo americano ainda não havia comentado oficialmente o episódio - 4 de julho, data escolhida para o vazamento, é feriado da independência dos EUA.

Desta vez, o WikiLeaks aponta como alvos de espionagem autoridades do BC, embaixadores do país em Paris, Berlim e Genebra e ministros, além do chefe do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência, o general José Elito Carvalho Siqueira. Até o avião presidencial teria sido grampeado pela NSA.

O ativista Julian Assange, editor-chefe do WikiLeaks, afirmou em comunicado à imprensa que a nova revelação “mostra que os EUA terão um longo caminho a percorrer para provar que sua vigilância sobre os governos ditos amigáveis acabou”.

“Os Estados Unidos não só tiveram como alvo a presidente Rousseff, mas também as figuras-chave com quem ela conversava todos os dias”, disse. “Mesmo que fossem confiáveis as garantias dos EUA de que a espionagem à presidente será cessada, o que não são, é difícil imaginar que ela possa governar o Brasil conversando o dia inteiro consigo mesma.”

(Diário do Pará)

Círios no Pará começam hoje no município de Santa Izabel

A Paróquia de Santa Izabel de Portugal, do município de Santa Izabel do Pará, realiza hoje o Círio de número 71, que apresenta o tema “Com Santa Izabel multiplicando comunidades alegres e acolhedoras”. As homenagens à padroeira começam às 7h, na escadaria do Colégio Estadual Antônio Lemos, na avenida Antônio Lemos, com uma celebração ministrada pelo pároco Rúzevel do Socorro Lourinho.

Logo após a celebração, os fiéis seguem na procissão, que conduzirá a berlinda rumo à igreja matriz, pelo mesmo trajeto dos anos anteriores: rua Valetim José Ferreira; rua Doutor Mata Bacelar; rua João Casa Nova; avenida Antônio Lemos; avenida Pedro Constantino; rua Capitão Noé de Carvalho; e rua Benjamim Constant. Na matriz, por volta de 10h30, a missa será celebrada por Dom Carlos Verzeletti, bispo da diocese de Castanhal. 

Às 19h30, haverá mais uma celebração na igreja, que será presidida pelo Padre Rosileno Garcia, pároco responsável pela Paroquia de Santarém Novo de Nossa Senhora da Conceição. Até o próximo domingo, 12, as celebrações seguem nesse mesmo horário e, haverá sempre arraial no salão da paróquia, com comidas típicas, sorteio de prêmios e atrações musicais. No sábado, 11, terá show do cantor Cosme. No domingo de encerramento, show da banda católica Vem louvar.

Isabel de Aragão, rainha de Portugal, foi filha de Dom Pedro III e nasceu na cidade espanhola de Saragoza. Sua vida foi marcada por muitos gestos de caridade, sensível aos pobres e excluídos. Isabel faleceu no dia 4 de Julho de 1336 e foi canonizada em 1625. A devoção à santa é uma das justificativas para o nome do município. Segundo registros históricos, a imagem da santa foi levada ao local por um imigrante. 

Círios

O Círio de de Santa Izabel de Portugal é o primeiro de uma série de círios neste segundo semestre pelo interior. No próximo domingo, 12, será o Círio de Nossa Senhora do Carmo, em Benevides. O termo “Círio” tem origem na palavra latina “Cereus”, que significa vela grande de cera, se tornando sinônimo, primeiramente, da procissão de Nazaré, em Belém, explica o pároco monsenhor Cid da Mata, do Santuário de Nossa Senhora de Fátima, em Belém.

MP quer reduzir horários de festas para conter violência

Foto: Ascom / MPE

Reduzir o horário de festas na Região Metropolitana de Belém é uma das sugestões do Grupo de Trabalho de Segurança Pública (GTSP), do Ministério Público do Pará (MPPA), para diminuir a criminalidade. “Existem vários horários, cada município tem o seu. Nós queremos fazer um padrão, mas que haja uma redução e todas as categorias sejam atingidas. Nós estamos em discussão e uma próxima reunião vai ser agendada com representantes da Polícia Militar, do Governo do Estado, de prefeituras e de outros órgãos. Primeiro, estamos fazendo um diagnóstico para depois começar a elaborar a proposta de alteração de lei”, diz o promotor de Justiça Mário Sampaio Netto Chermont, coordenador do Grupo e do Centro de Apoio Operacional Criminal do MPPA.

De acordo com informações da Delegacia de Polícia Administrativa, o limite de horário de funcionamento das festas fica a critério da Lei Ambiental de cada município. Em Belém, conforme a Lei Municipal nº 8.512, de maio de 2006, as festas podem ir até meia-noite, de domingo a quarta-feira; até à 1 hora às quintas-feiras; e até às 4 horas às sextas, sábados e na véspera de feriados. Nos municípios que não têm Lei Ambiental aplica-se o Decreto nº 2.423, de 31 de Agosto de 1982, que permite eventos das 19 horas do primeiro dia até às 4 horas do dia seguinte, podendo prorrogar-se até às 5 horas da manhã aos sábados e na véspera de feriados.

No período de janeiro a maio deste ano, o Centro Integrado de Operações (Ciop) em Belém registrou, pelo número 190,  como principais ocorrências, a perturbação do sossego alheio, com 15.923 reclamações, e a poluição sonora, com 11.943. Nas reuniões com órgãos municipais e estaduais, os membros do grupo recolhem informações para o diagnóstico que fundamentará a proposta aos prefeitos. “Nós entendemos que criar um limite de horário dessas festas pode contribuir para reduzir a violência. Não vai acabar de vez, mas entendemos que é um dos caminhos para diminuir essa criminalidade”, argumenta o promotor, ao informar que, atualmente, há uma categoria que não é fiscalizada - os estabelecimentos classificados pela Lei Ambiental como de “categoria A”. “Nós queremos que todas as festas sejam fiscalizadas e também que haja uma melhor fiscalização. Nós estamos fazendo o levantamento dos medidores  (de barulho). Porque não basta ter os medidores, é preciso que seja feita a aferição das ferramentas. Também vamos propor aos prefeitos que seja feita uma adequação do horário, uma redução desse limite, porque entendemos que, com isso, temos um caminho que vai contribuir para reduzir os índices de criminalidade da Região Metropolitana de Belém”, avalia. 

“Patrulhões”

O promotor cita como exemplo a cidade de Diadema, no chamado ABCD Paulista, onde uma Lei de 2002 obriga bares e lanchonetes que vendem álcool a fechar as portas antes das 23 horas. De acordo com pesquisas, no ano de implantação da lei houve 158 homicídios dolosos (com intenção de matar). No ano anterior, foram 238 homicídios - 60% deles entre às 23 e às 6 horas, horário em que os bares ficam obrigatoriamente fechados. Em 2011, de janeiro a setembro, a cidade registrou 27 mortes criminosas. 

Ainda de acordo com o promotor, a ideia é estender a proposta ao estado inteiro, mas a meta inicial é a RMB, especialmente Belém, Ananindeua e Marituba. Além de Mário Chermont, também fazem parte do Grupo os promotores Milton Luiz Lobo Menezes, coordenador do Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco); Carlos Stilianidi Garcia e Alcenildo Ribeiro Silva, titulares da 3ª e 1ª Promotoria de Justiça de Controle Externo da Atividade Policial de Belém; e Márcia Beatriz Reis Souza, da 16ª Promotoria de Justiça Criminal Comum. 

De acordo com Chermont, o grupo também entende que é preciso conversar com a PM a respeito dos ‘patrulhões’. “Vamos fazer um diagnóstico desses patrulhões, onde estão ocorrendo, de que forma, se há resistência, se estão levando os medidores e se está havendo um cumprimento da Legislação”, ressaltou.

Não ha previsão de quando o diagnóstico ficará pronto e nem o horário proposto para limitar eventos e festas. “Quanto antes, melhor. O que a gente quer é entregar um produto, a proposta de alteração legislativa para os municípios. Vamos entregar para os prefeitos, através do nosso procurador-geral, que deverá conversar com os prefeitos para que sensibilizem as câmaras municipais a uma alteração nesse sentido”. Ele reconhece, no entanto, que haverá muita resistência. “Mas acho que a sociedade vai nos apoiar no momento em que ela perceber a redução desses índices de criminalidade. No momento em que a sociedade perceber que há uma redução dos índices de violência, o nosso trabalho vai ser reconhecido e se tornar positivo”, avalia. “Pode ser que o prefeito nem queira encampar a idéia e a Câmara não aprove. Vai ter resistências.  Mas com certeza eles vão discutir a matéria como discutem qualquer projeto de lei”, avalia. 

O grupo aguarda agora a resposta a alguns ofícios para marcar uma reunião com órgãos do governo que liberam e fiscalizam festas. 

Foco

Criado pelo procurador-geral de Justiça, Marcos Antônio Ferreira das Neves, o GTSP objetiva a interação com outros órgãos para promover ações de segurança pública e o incentivo à prevenção e repressão à violência. O grupo resolveu focar em uma estratégia para obter sucesso no trabalho. “Para reduzir a criminalidade, podemos destacar uns dez pontos, mas se formos trabalhar nos dez, não trabalhamos bem nenhum. Temos que focar um objetivo, concluir, apresentamos o resultado, encaminhamos, fizemos tudo o que estava ao nosso alcance, aí nos reunimos para eleger um segundo objetivo. Precisamos ter efetividade. Podemos ter outras idéias, mas o nosso foco são as festas e o monitoramento eletrônico, as câmeras de segurança. Estamos observando a qualidade e a forma de monitoramento delas. O ideal é que cada pessoa que esteja monitorando fique em quatro imagens e haja qualidade. Porque de dia a imagem é ótima, mas de noite não, então também precisa ver a iluminação pública”, ressalta. 

Durante uma visita ao Ciop, eles verificaram a estrutura de monitoramento eletrônico. São 182 câmeras na Região Metropolitana de Belém e 45 no interior, em Castanhal, Capanema, Santarém e Salinópolis. Os equipamentos capturam imagens de boa qualidade. O Grupo defende que o monitoramento seja ampliado. “O problema é o número de pessoas para monitorar esse sistema, porque precisa ser policial”, disse o coordenador do GTSP. “Se nós conseguirmos um número maior de câmeras, maior número de imagens, conciliando isso com a redução dos horários das festas, trilhamos um caminho buscando diminuir a violência”, acredita Mário Chermont. Já houve também reunião com representantes de órgãos fiscalizadores, como a Delegacia de Polícia Administrativa (DPA), Batalhão de Polícia Ambiental, Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), Guarda Municipal e Delegacia Especializada em Meio Ambiente (Dema).

Cachorro dorme em porta de hospital do DF há 3 semanas à espera do dono

Cachorro na porta de hospital à espera do dono, que está internado há três semanas, em Ceilândia (Foto: Isabella Formiga/G1)

Um cachorro aguarda há três semanas na porta do centro médico do Hospital São Francisco, em Ceilândia, no Distrito Federal, a saída do dono, que foi internado após procurar atendimento cardiológico. Vigias, recepcionistas e demais funcionários se revezam para alimentar o bicho, que escolheu um canto na lateral da emergência da unidade para passar as noites.
A recepcionista Rita Raimundo diz que o homem estava internado na UTI, mas que havia sido transferido para um leito comum nos últimos dias. Ela apelidou o animal de “Barãozinho” e brinca que ele é o segurança do hospital.
“Quando esse cachorro apareceu aqui, achei que era um cachorro comum, como a gente sempre encontra [...]. Comecei a dar comida ao cachorro. Mas tinha dia que eu chegava e ele estava todo desesperado querendo entrar no hospital. Então perguntei para o colega que trabalha aqui e ele falou: ‘O dono está aqui, internado".
A brigadista Fátima Andrade disse que o cachorro tentou entrar várias vezes no hospital antes de os funcionários saberem que ele era de um paciente internado.

“As meninas avisaram que tinha um moço que estava internado e tinha um cachorro que tinha chegado no mesmo dia em que ele chegou. O cachorro agoniado querendo entrar, querendo entrar, daí os meninos viram que eram dele, desse paciente”, afirmou.

Funcionários relatam que o cachorro circula durante o dia pelo estacionamento e dorme em frente ao pronto-socorro. A recepcionista Rita Raimundo diz que separa metade do almoço dela para dar ao cachorro e afirma que diversas pessoas já se interessaram em adotá-lo, mas que ela sempre avisa que o dono está no hospital. "Tem um monte de gente querendo levar, a gente é que não deixa."

EQUIPE DE TV É ASSALTADA DURANTE TRANSMISSÃO AO VIVO



Uma equipe de TV dos Estados Unidos foi roubada a mão armada por três homens nesta quinta-feira (2), durante uma transmissão ao vivo. Segundo o 'Uol', a emissora fazia uma cobertura de um homicídio de uma mulher ocorrido no Pier 14, em San Francisco, Califórnia (EUA). A jornalista Cara Liu, da KTVU, estava prestes a entrar em contato com o âncora Brian Flores e, inclusive, já estava aparecendo no link, quando correu enquanto um homem passou por trás dela. "Espere um pouco. Um incidente estava ocorrendo", informou a repórter aos telespectadores. Em seguida, as imagens voltaram para o estúdio. De acordo com a emissora, no primeiro momento, Liu testemunhava a equipe de outra emissora, que estava ao lado, sendo assaltada. Os criminosos levaram câmera e tripé.

Mais de 4 mil jovens realizaram cadastro no primeiro dia de inscrições para o CNH Jovem



Mais de quatro mil jovens maranhenses se cadastraram somente no primeiro dia de inscrições para o CNH Jovem, programa estadual que concede isenção total de custos para obtenção da CNH para estudantes que concluírem ensino médio em escolas públicas. As inscrições, iniciadas nesta quarta-feira (01) seguem até o fim deste mês.

Clique aqui e faça sua inscrição

Para o governador Flávio Dino, o volume alto de inscrições feitas somente no primeiro dia reafirma o acerto do Governo do Estado em atender, com o programa, a uma grande necessidade da juventude maranhense. “A carteira de motorista custa quase R$ 2 mil, um valor muito alto para o jovem que estudou em escola pública. Além deste auxílio financeiro, o CNH Jovem abre caminho para que o jovem possa com a Carteira de Habilitação aumentar suas chances de ingressar no mercado de trabalho”, destacou o governador.

De acordo com o diretor-geral do Detran-MA, Antônio Nunes, a quantidade de inscrições no primeiro dia superou as expectativas. “Só nas primeiras três horas de inscrições, mais de mil estudantes se cadastraram para o programa. No dia 12 de agosto vamos divulgar o resultado dos selecionados e ajudar esses jovens estudantes a ingressar no mercado de trabalho e a ter uma formação devida e responsável como motorista”, destaca Nunes.

Para ter acesso ao CNH Jovem, os estudantes precisam ter idade entre 18 e 21 anos, ter cursado as três últimas séries do ensino médio em escola pública e ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2014. Os estudantes interessados em participar e que preencham todos os requisitos do programa têm até o dia 31 deste mês para se inscrever. O formulário de inscrições está disponível apenas na internet, no endereço www.detran.ma.gov.br/cnhjovem. A página contém todas as informações sobre o programa.

A inscrição para o CNH Jovem também é gratuita. Este ano, o programa oferece 2 mil vagas, metade destinada aos estudantes com as melhores pontuações no Enem de 2014, e as outras mil vagas serão distribuídas por meio de sorteio, a ser realizado pela Caixa Econômica Federal. Os exames, cursos e taxas para obtenção da CNH são todos custeados pelo programa, sem qualquer despesa para o estudante contemplado.

Prorrogação de prazo para os CFCs

Para oferecer mais opções de escolha de locais onde o participante beneficiado pelo CNH Jovem fará os cursos exigidos para obtenção da carteira de motorista, a diretoria do Detran-MA determinou, na terça-feira (30), por meio da Portaria nº 702, a prorrogação do período de adesão dos Centro de Formação de Condutores (CFC) ao programa. Agora, os CFCs têm até o dia 10/07 para aderirem CNH Jovem. Até o último dia 30, dos 231 CFCs maranhenses, 132 já tinham aderido ao programa.

Robô mata funcionário em fábrica






Um robô matou um funcionário em uma das fábricas da montadora Volkswagen na Alemanha na última segunda-feira, informou a empresa nesta quinta. O homem morreu na fábrica em Baunatal, a cerca de 100 quilômetros de Frankfurt. O funcionário de 22 anos fazia parte de uma equipe que estava montando um robô estacionário, que o agarrou e esmagou contra uma placa de metal.
Segundo Heiko Hillwig, porta-voz da empresa, as primeiras conclusões indicam que houve erro humano. O porta-voz também afirmou que o robô pode ser programado para executar várias tarefas no processo de montagem e que normalmente as operações ocorrem dentro de uma área confinada na fábrica. Outro funcionário estava presente no momento do incidente, mas não se feriu. Hillwig se recusou a dar mais detalhes sobre o caso, afirmando que uma investigação está em curso.

 (Da Veja)

Acusado de roubo chora ao reconhecer juíza como sua amiga de infância






O julgamento de um homem suspeito de roubar um carro nos Estados Unidos se tornou um reencontro emocionante depois que a juíza Mindy Glazer reconheceu o réu, Arthur Booth, 49, como sendo um velho amigo de infância.
"Senhor Booth, tenho uma pergunta. Você frequentou [a escola] Nautilus?", questionou a juíza enquanto tentava conter a emoção. "Oh meu Deus! Oh meu Deus!", disse o homem ao olhar para ela. O caso aconteceu na terça-feira (30/6).
Booth, detido na segunda-feira por roubo qualificado de um veículo e resistência à prisão, não conteve as lágrimas, abaixou-se sobre uma mesa à sua frente e levou as mãos à cabeça.
"Sinto muito vê-lo aí. Sempre me perguntei o que teria acontecido com o senhor", disse Glazer, enquanto Booth continuava a chorar. "Ele era o garoto mais legal da escola, foi o melhor menino do ensino fundamental", afirmou. "Eu costumava jogar futebol [americano] com ele, e olha o que aconteceu."
A juíza, triste com o destino de seu amigo, deu conselhos para que o homem aprendesse a lição e mudasse de vida. "Sr. Booth, espero que você seja capaz de mudar seu comportamento. Boa sorte", disse ela. "Triste é que na idade em que chegamos...", comentou. "Espero que você seja capaz de sair desta situação bem e tenha uma vida boa."
Depois das palavras da juíza, o homem tentou falar, mas recebeu o chamado dos seguranças para deixar o local.
De acordo com um relatório sobre a prisão, Booth foi flagrado dirigindo um Honda Accord dourado que teria sido usado no assalto a uma residência. Quando um policial tentou parar o veículo, Booth acelerou, dando início a uma perseguição, informou o site "NBC News"
O acusado deve permanecer preso enquanto não pagar uma fiança de quase R$ 135 mil.

Aplicativo ajuda a polícia a prender mais de 10 mil bandidos em um ano






Um aplicativo de celular já ajudou a polícia a prender mais de 10 mil bandidos em um ano. Qualquer pessoa pode ter acesso às informações de quem tem um mandado de prisão e, se encontrar um suspeito, é só chamar a polícia.
O capitão Flávio Alencar, comandante da Ronda Ostensiva Tática Móvel (Rotam), uma tropa de elite da Polícia Militar de Brasília, já perdeu as contas de quantos bandidos prendeu depois de consultar o aplicativo Justiceiro, da Secretaria Nacional de Segurança Pública.
“Mais de 90% da Polícia Militar utilizam esta ferramenta todos os dias. Eu tenho certeza de que, neste momento, alguma viatura da Polícia Militar está utilizando esta ferramenta e prendendo alguém”, diz o comandante.
O aplicativo não é importante só para polícia. Ele pode ser consultado por qualquer pessoa antes de contratar um funcionário para trabalhar em casa, que não tenha referência.
A consulta é simples e não dura um minuto. Basta colocar o nome da pessoa, da mãe e, se tiver, o número de um documento de identificação. Imediatamente sai o resultado. O aplicativo pode ser usado também para saber se um carro suspeito estacionado perto de casa é roubado e consultar o banco nacional de pessoas desaparecidas. Tudo é sigiloso: não fica registrado o nome da pessoa e nem o local da consulta.
Ao todo, 120 mil carros foram recuperados com ajuda do aplicativo. O juiz decide se o nome do bandido pode sair no aplicativo antes da prisão. Mas e o criminoso? Ele também não pode usar o programa e saber que está sendo procurado?
“Nós consultamos uma autoridade policial sobre isso e ele nos disse o seguinte: ‘Olha, se eu tenho o endereço e sei onde a pessoa está, peço para os policiais irem buscar e, então, peço sigilo neste mandado. Mas se eu não tenho, preciso do apoio da população. Então, quantas mais pessoas tiverem acesso à essa informação, serão mais olhos a buscar este criminoso’”, Regina Miki, secretária nacional de Segurança Pública. 

G1.JN

Chile vê Copa América manchada por astro preso e tabela facilitada



Após mais de 100 anos de disputas internacionais, a seleção principal do Chile, enfim, conquistou seu primeiro título em competições oficiais. A vitória por 4 a 1 sobre a Argentina nos pênaltis (empate por 0 a 0 no tempo normal e prorrogação), no último sábado, na final da Copa América, encerrou o jejum e entrou para a história do país sede do torneio em 2015.
A "cavadinha" da Aléxis Sánchez na cobrança que deu o título aos chilenos coroou a boa campanha do time que conseguiu parar Lionel Messi na decisão e iniciou uma festa histórica que parecia não ter hora para acabar. O cenário de festa era justo para aqueles que soltavam o grito entalado na garganta. Nem tudo, porém, foi perfeito roteiro da conquista do último sábado.
Apesar do título merecido após uma campanha sólida, o Chile viu uma Copa América manchada por episódios polêmicos que envolveram polícia e até mesmo uma tabela facilitada na disputa em casa.
Antes mesmo de a bola rolar, os rivais da boa seleção do técnico Jorge Sampaoli questionavam as decisões da tumultuada Conmebol. Com uma tabela direcionada, o Chile não disputou qualquer partida fora de Santiago, sendo beneficiado por não se desgastar com deslocamentos em viagens.
Quando o torneio começou, mais problemas para os chilenos. O maior deles foi com Arturo Vidal. Após a boa atuação no empate com o México, o meia se envolveu em uma colisão com sua Ferrari e acabou detido pela polícia local por estar dirigindo com quantidade de álcool não permitida.
Até mesmo a população que parecia apoiar a causa da seleção a qualquer custo se virou – em parte – contra "La Roja". Houve um apelo popular para que Vidal fosse cortado após ser detido e passar a noite na cadeia. Mas Sampaoli bancou sua continuidade na delegação. Ao menos o final foi feliz e abafou tamanha polêmica.
Ampliar

Argentina x Chile, pela final da Copa América31 fotos

10 / 31
Presidente do Chile, Michelle Bachelet marca presença na final da Copa América Leia mais AFP
Problemas fora de campo
Se dentro das quatro linhas tudo correu como esperado para o time chileno, o mesmo não se ponde dizer fora dos gramados. Desde o início, a Copa América foi cercada de problemas. Já no primeiro dia, horas antes da estreia, um enorme protesto de professores deu o tom do que seriam as próximas semanas. Manifestações e conflitos marcaram o torneio.

A organização também não era das melhores. Com estádios inaugurados a poucos dias da estreia – Concepción – e ajustes operacionais acontecendo enquanto a bola rolava, o Chile mostrou que ainda precisa evoluir se quiser receber competições maiores.
Ainda fora de campo, um problema que fugiu da alçada dos organizadores. O país viveu uma grande crise por conta da poluição elevada. A capital Santiago chegou a entrar em estado de emergência por duas vezes, com o governo proibindo atividades físicas ao ar livre.
Mas a seleção de Sampaoli, Valdivia, Vidal, Sanchéz, Medel e outros não se importou com nada disso. E superou todos os obstáculos para realizar o sonho "vermelho" de ganhar o primeiro título da história justamente em casa. Festa manchada, porém merecida.

Mulher sonâmbula, acorda no meio do mar



upload_7_3_2015_at_1_04_12_pm


Você fala dormindo? Você ronca? Você ocasionalmente bate com o cotovelo no seu (espos@) ? bom.. pelo menos você não entra no mar.

Marie Lord de 39 anos andou dormindo por pouco mais de 600 metros mar à dentro, ela mora em Weston bem próximo ao mar.. e só acordou porque sentiu um gosto de sal muito forte na boca e a água estava segundo ela muito fria.. batendo em seu rosto já.

Marie acordou por volta das 01h30, e saiu de casa andando pelas ruas, e até mesmo subindo alguns degraus íngremes que normalmente ela não consegue subir sem o auxílio do marido, quando ela acordou estava no meio do mar, um porteiro que trabalha a noite em um hotel perto da praia ouviu os gritos de Marie e chamou a polícia.

“Às vezes, dependendo do vento, podemos ouvir o mar da nossa casa”, disse ela.

“Eu me lembro de pensar” Deus, é está tão claro hoje à noite, é como se eu estivesse lá no mar “- mas, obviamente, eu estava.”

O que também foi bizarro sobre o incidente foi que Marie não sofre de sonambulismo, Na verdade, a última vez que ela andou dormindo foi quando ela tinha 13 anos.

Adolescente acorda com dor insuportável em ouvido e retira centopeia de 10 centímetros de dentro da região



Adolescente acorda com dor insuportável em ouvido e retira centopeia de dentro da região


Um adolescente que acordou com uma dor insuportável em um de seus ouvidos retirou uma centopeia enorme de dentro dele.

Depois de acordar com a dor em um ouvido, o adolescente de Arkansas, EUA, decidiu investigar.

Grant Botti, de 14 anos, levou uma das mãos e retirou uma centopeia de cerca de 10 centímetros do local.

Sua mãe, Angela Botti, então, colocou o animal, ainda vivo, em saco plástico e dirigiu-se a emergência médica com o filho.

Adolescente acorda com dor insuportável em ouvido e retira centopeia de dentro da região
Grant Botti, de 14 anos, do Arkansas, EUA, acordou com dor insuportável em um de seus ouvidos e descobriu tratar-se de uma centopeia de cerca de 10 centímetros.

Lá, um dos profissionais encontrou pequenas escoriações na orelha de Grant, antes de o tratar e o liberar.

Angela contou não saber de onde o bicho surgiu.

Os médicos e enfermeiros disseram já terem visto diversas coisas nos ouvidos de pacientes, mas relatam que esse foi o primeiro caso em que se tratava de uma centopeia.

Fonte: DailyMail