Social Icons

Pages

Featured Posts

quinta-feira, 26 de maio de 2016

Paragominas – Após denuncias, Polícia Militar encontra ‘desmanche’ de moto no bairro Bela Vista



3a4b8fa4-d87a-4cbf-8ac2-17deec1ac0c4
3f4cae99-813f-443f-a485-30ca7a25af1f


No dia 9 de maio passado, uma pessoa teve sua motocicleta furtada na Rua Cuiabá, no bairro Bela Vista, em Paragominas. Como sempre acontece, a vítima foi até a 13ª Seccional de Paragominas e fez um boletim de ocorrência, esperançosa de um dia reaver seu veículo.
Nesta quarta-feira (25) a vítima do furto deparou-se com um indivíduo vendendo peças de moto pelas ruas e, para sua surpresa, uma das peças era o tanque da sua motocicleta. Imediatamente o rapaz acionou a PM e os policiais militares Justino e C. Alberto foram até a residência do suspeito e lá encontraram peças de várias motocicletas caracterizando-se a prática de ‘desmanche’ de veículos furtados ou roubados.
Na residência foi dado a voz de prisão à um rapaz conhecido por ‘Cleiton’ que foi encaminhado para a 13ª Seccional de Paragominas e as peças das motocicletas apreendidas para que sirvam de provas do delito e posteriormente entregues aos seus respectivos donos.
Com informações do repórter Murilo Hercullano
Fonte Jorge Quadros


Paragominas – Arrombador invade casa, furta televisão de led e vende por R$ 50,00 na ‘boca de fumo’



72d8abbe-1c14-4591-9dc4-58b7aabf7dbb
Drogas e uma espingarda encontrada na boca de fumo pelos policiais militares.



Foi Apresentado na 13ª Seccional Urbana de Paragominas por volta das 21h50 desta quarta-feira (25) pela Gu do bairro Nagibão sob o Comando do Sgt PM Valmor  um rapaz de pré-nome Jailson, muito conhecido da polícia como sendo contumaz na prática de arrombamento de residência e estabelecimentos comerciais.
Jaílson foi denunciado por uma de suas vítimas que contou às autoridades policiais que no momento em que saiu para o trabalho o ‘cara’ foi até sua residência e de lá surrupiou um aparelho de TV de 32 polegadas e uma bicicleta. O aparelho de TV o arrombador vendeu numa ‘boca de fumo’ pela bagatela de R$ 50,00 e a bicicleta ele não soube precisar onde a deixou ou a vendeu. Os policiais militares fizeram buscas na ‘boca de fumo’ e só encontrou uma pequena quantidade de entorpecentes e uma espingarda. o dono da ‘boca’ conseguiu escapar do cerco policial.
Jailson confessou que realente foi ele que arrombou a residência da vítima e agora está à disposição da justiça.
Com informações do repórter Murilo Hercullano
Fonte Jorge Quadros


Paragominas – Peixeiros são assaltados e perdem R$ 10 mil para os bandidos



ocorrencia


Por volta  das 15 horas desta quarta-feira (25), quatro comerciantes de peixe moradores de Paragominas,  sendo 3 homens e uma mulher, estavam se dirigindo para a capital do Estado, como fazem toda semana para adquirir o pescado que vendem aqui na cidade, foram abordados por dois indivíduos que estavam numa motocicleta Fazer de cor preta, armados com revólveres de grosso calibre e apontando a arma para a cabeça do motorista anunciou o assalto.

A abordagem aconteceu quando os ‘peixeiros’ estavam às proximidades da Fazenda Água Parada, na BR 010 entre Paragominas e Ipixuna do Pará. Os comerciantes foram obrigados a descer do veículo e ficarem sentadas no acostamento da rodovia enquanto os bandidos faziam uma verdadeira ‘revista’ no carro e nos pertences das vítimas. Após levarem dinheiro e objetos de valores, os bandidos tomaram rumo ignorado e estão sendo caçados pela polícia.

Os comerciantes registraram o Boletim de Ocorrência na 13ª Seccional de Paragominas e disseram que perderam R$ 10 mil para os assaltantes. O interessante é que os bandidos sabiam que no veículo havia dinheiro e chegaram a mencionar a quantia de R$ 17 mil. “Com certeza o assalto ocorreu porque alguém sabia que os comerciantes iam para Belém fazer compras de pescado. Isso caracteriza-se como ‘parada dada’, para a polícia”.

Com informações do repórter Murilo Hercullano
Fonte Jorge Quadros

Polícia Civil investiga esquema de aluguel de armas de fogo em Portel



Arma apreendida com adolescente


A Polícia Civil de Portel, na ilha do Marajó, investiga um esquema de aluguel de armas de fogo para a prática de crimes na região. Esta semana, um revólver calibre 38 sem munição foi apreendido de posse de um adolescente, estudante de uma escola de Ensino Fundamental. A apreensão ocorreu no momento em que o rapaz estava indo para a escola portando a arma de fogo.
Ainda, com o jovem, foram apreendidas duas seringas que, segundo ele, seriam usadas para fazer uma tatuagem. Conforme o delegado, o rapaz estava usando a arma e, no momento da apreensão, estava indo fazer a entrega da mesma ao dono.
O delegado acredita que o rapaz atuava como uma espécie de intermediário no repasse de armas alugadas para os locatários, porém, salienta o policial civil, em depoimento o adolescente não confirmou o esquema. As investigações continuam.

Celulares e drogas são encontrados dentro de cela



Celulares e drogas são encontrados dentro de cela  (Foto: Divulgação)


Celulares e drogas foram apreendidos nesta quarta-feira (25) dentro de uma cela da Central de Triagem de São Brás, em Belém. O material foi encontrado por agentes penitenciários durante uma revista de rotina.
Segundo a Superintendência do Sistema Penitenciário do Estado do Pará (Susipe), um balanço oficial dos produtos apreendidos ainda não foi realizado. Entretanto, informações do local afirmam que pelo menos seis aparelhos celulares e três carregadores foram encontrados.
A Susipe afirmou que a Polícia Militar deu apoio à ação de revista no local. O material foi encaminhado para perícia.
(DOL)

Vídeo de jovem estuprada causa revolta na internet



Vídeo de jovem estuprada causa revolta na internet (Foto: reprodução/Twitter)


A divulgação de um vídeo de estupro coletivo causou revolta e indignação nas redes sociais. Na terça-feira (24), um perfil identificado como michelbrasil7 postou imagens de uma adolescente desacordada após ter sido estuprada.
Enquanto a jovem era filmada desacordada - com os seios e o órgão genital expostos - um rapaz aparece fazendo piadas. "Amassaram a mina. 'Intendeu' ou não 'intendeu'? kkk", disse.
A publicação rapidamente tomou grandes proporções e vários usuários repudiaram e denunciaram a atitude do rapaz.
Na manhã desta quarta-feira (25), a conta de Michel estava suspensa. Apesar disso, o vídeo e algumas imagens ainda estão disponíveis nas redes sociais e alguns internautas pediram para outros não compartilharem.
A Polícia Civil do Rio de Janeiro informou que já investiga o caso e que a vítima estava desaparecida até o final da tarde de hoje. 
Vítima presta depoimento
A adolescente de 17 anos, vítima de estupro coletivo no Rio de Janeiro, foi ouvida pela Polícia Civil nesta quinta-feira (26). A Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática (DRCI) está responsável pela investigação.
De acordo com o delegado, a população pode colaborar com informações que auxiliem na identificação dos envolvidos através do e-mail alessandrothiers@pcivil.rj.gov.br.
Nas imagens compartilhadas nas redes sociais, dois homens exibem a jovem e escrevem: "Essa aqui, mais de 30, engravidou. Entendeu ou não entendeu?", e exibem o órgão genital da adolescente ainda sagrando.
O caso ganhou grande repercussão e internautas de vários estados brasileiros repudiaram e denunciaram os perfis.
"Chorei quando vi o vídeo", diz avó de garota
Eram 15h de quarta-feira (25) quando a família de uma jovem de 17 anos recebeu o telefonema de um vizinho, que relatava que a adolescente havia sido estuprada no morro da Barão, em Jacarepaguá, zona oeste do Rio. Segundo ele, o crime estava registrado em um vídeo numa rede social.
Os parentes da adolescente foram para a frente do computador e viram a cena - de cerca de 40 segundos - que deu início à uma investigação da Polícia Civil e do Ministério Público.
Mãe de um menino de três anos, a jovem estava deitada numa cama, seminua, e era observada por um grupo de pessoas. A suspeita é que 33 homens tenham violentado a adolescente.
"Chorei quando vi o vídeo. Choramos todos. Me arrependi de ter visto. Quando ouvimos a história, não acreditávamos no que estava acontecendo. É uma aflição muito grande. É uma situação deprimente", disse a avó materna da adolescente, que pediu para não ser identificada.
VOLTOU PARA CASA
Ela contou que a adolescente saiu de casa na sexta (20) dizendo que ia visitar amigas no morro da Barão. Só voltou na tarde de terça (24). Vestia roupas de homem e estava sem o telefone celular. Após uma noite de sono, acordou na quarta (25) dizendo que iria buscar o aparelho na favela.
"Depois que vimos o vídeo, o assunto começou a se espalhar e, horas depois, ela retornou à casa levada por um agente comunitário do morro", disse a avó.
A jovem prestou depoimento na delegacia durante a madrugada desta quinta (26). Depois, foi encaminhada a um hospital onde recebeu um coquetel de medicamentos para evitar doenças sexualmente transmissíveis.
Desde então, a adolescente está em casa com os pais e a avó materna. "Ela não está bem. Está muito confusa. A coisa foi muito séria."
(Folhapress)

Paragominas – menor é apreendido após tentar assaltar com arma de fogo fabricada por ele próprio



bad9164c-89ee-4077-81a8-01613ab7fa20


Na tarde desta terça-feira (24), por volta das 14 horas, um garoto estava indo para a sua escola e quando chegou às proximidades de um supermercado no bairro Promissão II foi abordado por outro menor que anunciou um assalto. O menor infrator estava numa bicicleta e quando fez o gesto de puxar uma arma a vítima o empurrou e ele caiu da bicicleta. A arma foi jogada para longe. Neste mesmo momento ia passando uma professora que chamou a polícia e esta apreendeu o menor levando-o para ser apresentado na 13ª Seccional de Paragominas.

A arma de fogo, que foi fabricada pelo próprio acusado foi apreendida e entregue à Polícia Civil. A vítima desta tentativa de assalto é lutadora de arte marcial. Porém, as autoridades policiais alertam para que não haja revide numa situação como essa, pois os menores delinquentes são mais perigosos com uma arma na mão que bandidos considerados experientes.

Com informações do repórter Murilo Herculano

Acusado de homicídio em Belém é preso em Salinas



Acusado de homicídio em Belém é preso em Salinas (Foto: Divulgação/Polícia Civil)


A Polícia Civil prendeu nesta terça-feira (24), em Salinópolis, nordeste paraense, Márcio Diego Cunha dos Santos, de 25 anos, acusado de assassinar Adriano da Silva Campelo, em maio do ano passado.

O crime ocorreu no Conjunto Catalina, bairro do Mangueirão, em Belém.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima, que também tinha 25 anos, foi morta a tiros às proximidades de um bar. O acusado está com mandado de prisão preventiva decretado pela Justiça como consequência de inquérito policial instaurado pelo delegado Marco Antonio Oliveira, da Divisão de Homicídios (DH) de Belém.

A prisão do acusado foi efetuada por policiais civis da DH em missão naquela cidade.

O delegado Eduardo Rollo, que coordenou a prisão de Márcio Diego, explicou que após receber informações sobre o paradeiro do foragido, a equipe da DH formada pelos investigadores Valéria Franco e Rogério Brito, e escrivão Marco Aurélio Matos, conseguiu localizá-lo e cumprir o mandado de prisão.

Conforme o delegado, Márcio Diego já havia cometido um homicídio anteriormente na capital paraense. A vítima foi um homem de prenome Eder, namorado da ex-companheira do acusado.

Por causa deste crime, Márcio chegou a ser preso, mas foi colocado em liberdade por ordem da Justiça, em 18 de março de 2015, após passar quatro meses de detenção.

Ao sair da prisão, explica o policial civil, ele matou Adriano, que era cunhado do acusado e principal testemunha da morte de Eder no processo criminal que Márcio responde na Justiça.

Márcio Diego será recambiado para Belém para responder pelo crime na Justiça.

(Com informações da Polícia Civil)

Homem é executado a tiros em Capanema






Na manhã desta Quarta-feira (25), um homem de primeiro nome Adalberto também popularmente conhecido por Pateta na cidade foi morto a tiros em um Mercadinho no Bairro São Cristovão. Segundo as primeiras informações a vitima chegou no mercadinho, de carro desceu para comprar algo e logo em seguida chegou um elemento em uma motocicleta  entrou no mercadinho de capacete e disparou  tiros contra a vida vítima, que veio a óbito no local. A Policia Civil investiga o caso e trabalha  com hipótese de execução. O Corpo se encontra dentro do estabelecimento aguardando a chegada do IML para os procedimentos de praxe.

Fonte Portal Capanema

Triângulo amoroso deixa um morto nos limites de Marabá e Parauapebas.






O envolvimento de dois homens e uma mulher terminou na morte de Adnaldo Cardoso Neres, de 35 anos, natural de Jacundá (PA), no último domingo (22), na Vila Valentim Serra, zona rural de Marabá, limite com o município de Parauapebas.

O principal suspeito de ter cometido o homicídio com um tiro de espingarda é José William, tendo como pivô do crime Paloma Alves de Pereira, de 21 anos, que vivia maritalmente com a vítima.

Em declarações prestadas à imprensa, a acusada contou que a rixa entre os dois começou quando Adnaldo Neres esteve preso no mês passado, suspeito de roubo de moto. No período em que o companheiro esteve encarcerado ela se envolveu com José William, que morava junto com eles. Ao sair da cadeia, Adnaldo descobriu a traição e passou a jurar o rival de morte, sempre que ingeria bebida alcoólica.

Depois de o trio ingerir bebida alcoólica, no último domingo, Adnaldo, movido pelo ciúme, agrediu Paloma Pereira, fato que provocou a ira de William, que aproveitou o momento em que o rival estava dormindo, embriagado, junto de Paloma e desferiu o tiro no peito dele, que veio a óbito no local.

Ainda segundo Paloma, ela acordou assustada com o barulho do tiro e viu William saindo do quarto, enquanto Adnaldo arquejava, dando o último suspiro. Após cometer o crime, William fugiu e até a tarde desta segunda-feira (23) não havia sido localizado. 

Fonte : Blogo do Vela Preta/ Waldyr Silva
 
 
Blogger Templates