sexta-feira, 28 de abril de 2017

PRF vai fiscalizar rodovias do Pará no feriado






A Polícia Rodoviária Federal inicia na próxima sexta-feira (28) a Operação Dia do Trabalho. Até a segunda-feira (01), agentes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) reforçarão trechos estratégicos nas rodovias federais do Pará, priorizando ações preventivas para redução da violência do trânsito.

O planejamento da operação levou em consideração análises de dados estatísticos com foco no comportamento dos motoristas e nas características dos acidentes considerados graves, ou seja, acidentes fatais ou com vítimas feridas gravemente. Essas análises permitiram a otimização dos recursos humanos e materiais, com foco na fiscalização para coibir comportamentos de risco como: ultrapassagens indevidas, excesso de velocidade e a mistura fatal de álcool e direção.

No Pará, a BR-316, por ser a única via de acesso terrestre à Região Metropolitana de Belém e que concentra o maior número de acidentes no estado, terá uma atenção maior, principalmente nos trechos entre o Entroncamento e Benevides e entre Castanhal e Santa Maria do Pará, além da BR-308, no trecho que interliga os municípios de Capanema e Bragança e a rodovia BR-010 (Belém-Brasília).

O reforço da fiscalização na BR-316 será garantido com a mobilização de policiais de outras regiões do estado aonde o fluxo de veículos é reduzido, bem como dos que atuam em funções administrativas e com o emprego de agentes que atuam no Núcleo de Operações Especiais e do Corpo de Motociclistas da PRF. Também serão utilizados motocicletas, radares e etilômetros (bafômetros) para incrementar a fiscalização e coibir os excessos e o desrespeito às leis de trânsito.

(Com informações PRF)

Marapanim: Juiz decreta prisão de ex-prefeita



Marapanim: Juiz decreta prisão de ex-prefeita (Foto: Divulgação)


A ex-prefeita de Marapanim, Elza Edilene Rebelo de Moraes, e Richardson Luiz Rebelo de Moraes, ex-secretário de Finanças do município, tiveram prisões decretadas ontem, pelo juiz Gabriel Costa Ribeiro.


Os dois são acusados de praticar crimes de responsabilidade, que envolvem apropriação ou desvio de rendas públicas, além de ordens e efetuações de despesas não autorizadas por lei. A decisão responde a uma Ação Penal do Ministério Público do Estado.
O MP juntou depoimento dado pelo gerente do Banco do Brasil, que disse que as transferências de R$ 571.025,05 foram agendadas no dia 30 de dezembro de 2016 - último dia útil da gestão da então prefeita e secretário-, para serem efetivadas no dia 02 de janeiro de 2017, primeiro dia útil do novo prefeito no cargo. 

DENÚNCIA

Segundo o MP, os denunciados agiram com dolo e em acordo, uma vez que as contas somente podem ser movimentadas com junção das chaves da prefeita e do secretário, não podendo ser realizada de forma individual. As prisões foram decretadas com base na necessidade de garantia da ordem pública e conveniência da instrução criminal, uma vez que os denunciados, em liberdade, poderiam vir a impedir ou causar embaraço ao trâmite processual. 


Isso porque, segundo o Ministério Público, os denunciados têm agido para destruir provas, pois retiraram toda a documentação e material da Prefeitura, com vistas a dificultar a investigação.

(Diário do Pará)

Em Castanhal homem tenta se passar por advogado e é preso






Em Castanhal um homem foi preso na manhã de quarta-feira (26), quando estava nas dependências do Fórum, na sala de juizado especial, tentando se passar por um advogado. Cícero José Gomes, de 56 anos, natural do Paraná, e atualmente residindo em Belém, apresentou uma carteira com o nome de outro advogado, que, por sua vez, não foi divulgado.

A casa caiu rapidamente. O juiz deu voz de prisão ao suspeito, que foi encaminhado à 12ª Seccional do Jaderlândia e apresentado ao delegado Patrício Pontes para ser autuado. De acordo com informações, Cícero teria ido ao Fórum verificar alguns processos para a filha que seria advogada, em Belém.

Redação Notícia Virtual (Com informações de Tiago Silva / Últimas Notícias)

Guarda Civil de Castanhal recupera motos roubadas e apreende arma caseira







Nesta quarta-feira (26) a Guarda Civil foi acionada por um morador do Km 07, que teve sua casa invadida por três bandidos, os quais estavam armados com facas. O trio agiu com muita violência. Rendeu todos os familiares roubando dinheiro, joias e uma motocicleta.

A guarnição começou uma busca pelas proximidades, e a um quilômetro do local, numa área de mata, conseguiu encontrar a moto Pop, de cor vermelha. Eles continuaram o patrulhamento, mas, não conseguiram prender os acusados. Por usa vez, a moto foi recuperada e entregue ao devido proprietário.


Segunda moto recuperada

A Guarda Civil de Castanhal recuperou por volta das 15h, de ontem (26), uma motocicleta pop preta, a qual estava em frente à Vila do Braga, na Rua José de Alencar, bairro Saudade I. No local predominou a “lei do silêncio”.

A única informação foi passada por um homem, que não se identificou, mas disse que: “largaram a moto aí e saíram em outra, mas, não sei quem é, e nem para onde foram". O veículo foi recuperado pela Guarda Civil de Castanhal.

O proprietário, que estava aguardando na delegacia para fazer o boletim de ocorrência, ao saber da situação foi correndo ao encontro dos agentes e ficou extremamente grato pela ação. Para os agentes uma atitude que vale muito. “Esse reconhecimento é que nos motiva a continuar buscando fazer o melhor para Castanhal”, afirmou um dos agentes da Guarda Civil.

Arma caseira apreendida 

A Guarda Civil conseguiu apreender uma arma caseira. Os agentes receberam a informação de que próximo ao posto médico da Portelinha, homens suspeitos estariam com uma arma.

Após o patrulhamento, visando proteger o cidadão e o património público, foi encontrado o artefato jogado próximo a um matagal. Ninguém foi identificado.

Redação Notícia Virtual (Com informações da Guarda Civil de Castanhal)

Mais dois são mortos a tiros em Castanhal







Em menos de 24 horas, mais 2 pessoas foram mortas a tiros na cidade de Castanhal, região do nordeste paraense. A primeira vítima foi Arley Amaral Santos, de 29 anos. Arley foi assassinado na noite de quarta-feira (26), por volta das 21h, às proximidades de um ginásio poliesportivo do conjunto Bibiana II, área do bairro Jaderlândia. As motivações e autorias do crime ainda são desconhecidas.


De acordo com informações colhidas no local pela equipe do sargento Josimar, da Polícia Militar, Arley Amaral Santos caminhava em via pública quando foi surpreendido por 4 homens desconhecidos em 2 motocicletas. “Eles atiraram na vítima e logo em seguida fugiram tomando rumo ignorado. Fizemos incursões, mas não conseguimos localizar nenhum suspeito”, disse o sargento PM Josimar. Arley foi atingido por 8 tiros nas regiões das costas, peito e barriga. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal (IML). Depois foi liberado aos familiares para velório e sepultamento.

Um suspeito de envolvimento no crime, que teria saído recentemente do presídio, foi identificado e sua identidade já foi repassada para a Divisão de Homicídios (DH) de Castanhal, mas a Polícia Civil prefere não divulgar a identidade do suspeito ainda para não atrapalhar nas investigações.

MORTO APÓS PERSEGUIÇÃO


O segundo caso aconteceu na manhã de ontem, por volta das 10h, no bairro Pirapora. A vítima, ainda não identificada, aparentando ter entre 20 a 25 anos, roubou pertences pessoais de uma jovem no bairro da Saudade. O autor do roubo foi perseguido por um desconhecido e, já no bairro Pirapora, foi alcançado e executado com diversos disparos de arma de fogo.

O corpo ficou jogado no quintal de uma residência até ser removido por peritos para o IML. Policiais civis estiveram no local colhendo informações sobre o fato e ouvindo possíveis testemunhas. Em poder do morto foram encontrados 2 relógios de pulso, que teriam sido roubados de vítimas. Até o fechamento dessa edição, a vítima fatal ainda não havia sido identificada.


Texto e fotos: Tiago Silva (Correspondente do Diário do Pará)  

Castanhal : Dupla é presa em flagrante quando agia próximo a barreira da PM no Jaderlândia





Na tarde de ontem (26), uma dupla audaciosa foi parar no xadrez. A Polícia Militar recebeu a informação de que bandidos estariam promovendo assaltos bem próximo a barreira da PM, no bairro Jaderlândia, em Castanhal.

Os sargentos J. Monteiro, R. Garcia e Rogério, foram as buscas e prenderam a dupla, que estava numa motocicleta CB 300, de cor vermelha. Diego Pimentel dos Santos e Baltazar da Silva Bernardo, foram apresentados na delegacia para os procedimentos necessários.


Redação Notícia Virtual (Com informações de Tiago Silva / Últimas Notícias)

Dupla usa cachorrinho para assaltar pet shop no Pirapora em Castanhal





Na manhã de quarta-feira (26), uma dupla foi apresentada na 12ª Seccional do Jaderlândia. Os acusados são: Robson Rocha Printes, de 24 anos, e Lucas Rodrigues Souza, 18 anos, ambos assaltaram um pet shop, situado na Rua Floriano Peixoto, no bairro Pirapora, em Castanhal.

Astutos, os bandidos usaram um cachorrinho como isca. Eles chegaram ao estabelecimento, com o cachorrinho a tira colo, se passando por clientes. E assim que adentraram anunciaram o assalto. Eles estavam armados com um revólver calibre 38 municiado.

Mas a ação foi comemorada por pouco tempo. Logo após, a dupla foi presa pela Polícia Militar e autuada em flagrante. Robson e Lucas já estão à disposição da justiça.


Redação Notícia Virtual (Com informações de Tiago Silva / Últimas Notícias)

quinta-feira, 27 de abril de 2017

Operação é deflagrada no município de Mãe do Rio



Resultado de imagem para mae do rio


Foi deflagrada nesta quinta-feira (27), a Operação Dilúvio, no município de Mãe do Rio. A ação possui o objetivo de combater os desvios de recursos públicos da cidade.

De acordo com informações da polícia, foram cumpridos 36 mandados judiciais, sendo 21 de Busca e Apreensão, 08 de Condução Coercitiva e  07 de Prisão Preventiva.

Contratos de empresas também foram objetos de investigação, onde foi verificado irregularidades no fornecimento de serviços de alimentação, transporte escolar, hospedagem e asfaltamento. Além disso, foi constatado a a falta de prestação de contas aos órgãos de controle.

Durante a operação, cinco dos sete mandados de prisão foram cumpridos: ex secretários João José Canuto de Moraes, Finanças; Lana Regina Cordeiro de Oliveira, Educação; Antônia Edilaura Tavares Lopes, Assistência Social, foi preso o empresário Everaldo Manoel Rodrigues dos Reis, mais conhecido por Zé do Caixão e o empresário Jo Paulo de Freitas Oliveira). Há, no entanto, dois indivíduos que se encontram foragidos (José Ivaldo Martins, ex prefeito e Francisco Gonzaga Queiroga Sobrinho, ex Secretário de Saúde).

Até o momento, já foi apurado um desvio de mais de 2,5 milhões de reais pelos investigados. Valores esses que podem chegar ao quádruplo no fim das investigações.

Os presos serão encaminhamos à Superintendência do Sistema Penitenciário do Pará (Susipe), onde permanecerão à disposição da Justiça. Os foragidos estão sendo procurados pela Polícia em todo Estado e no País, através do serviço de Inteligência Policial e da Delegacia Interestadual de Capturas (Polinter).

Os documentos e objetos apreendidos serão analisados e subsidiarão outras medidas cautelares.

ORM News

Greve geral é legítima, diz Ministério Público do Trabalho





O Ministério Público do Trabalho (MPT) divulgou uma nota assinada pelo procurador-geral do Trabalho, Ronaldo Fleury, na qual considera legítima a greve geral anunciada para esta sexta-feira. "A greve é um direito fundamental assegurado pela Constituição Federal", diz o comunicado. No Rio, 34 categorias prometem aderir à paralisação.

A nota ressalta ainda "a legitimidade dos interesses que se pretende defender por meio da anunciada Greve Geral como movimento justo" e também reafirma a posição institucional do MPT "contra as medidas de retirada e enfraquecimento de direitos fundamentais dos trabalhadores contidas no Projeto de Lei que trata da denominada 'Reforma Trabalhista'".

O comunicado foi emitido depois que o presidente Michel Temer decidiu cortar o ponto dos servidores federais que aderirem ao movimento dessa sexta-feira. O prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), disse que faria o mesmo com os servidores municipais e divulgou, também nesta quarta-feira, um vídeo dizendo que a greve não é justa: "só quem não quer trabalhar é que vai fazer greve", diz ele no pronunciamento.

Leia, na íntegra a nota do MPT.

"O MINISTÉRIO PÚBLICO DO TRABALHO, considerando a Greve Geral anunciada para o dia 28.04.2017, vem a público:

I – DESTACAR que a Greve é um direito fundamental assegurado pela Constituição Federal, bem como por Tratados Internacionais de Direitos Humanos ratificados pelo Brasil, “competindo aos trabalhadores decidir sobre a oportunidade de exercê-lo e sobre os interesses que devam por meio dele defender” ( art. 9º da CF/88);

II – ENFATIZAR a legitimidade dos interesses que se pretende defender por meio da anunciada Greve Geral como movimento justo e adequado de resistência dos trabalhadores às reformas trabalhista e previdenciária, em trâmite açodado no Congresso Nacional, diante da ausência de consulta efetiva aos representantes dos trabalhadores (Convenção OIT n. 144);

III – REAFIRMAR a posição institucional do Ministério Público do Trabalho - MPT contra as medidas de retirada e enfraquecimento de direitos fundamentais dos trabalhadores contidas no Projeto de Lei que trata da denominada “Reforma Trabalhista”, que violam gravemente a Constituição Federal de 1988 e Convenções Fundamentais da Organização Internacional do Trabalho;

IV – RESSALTAR o compromisso institucional do MPT com a defesa dos Direitos Sociais e com a construção de uma sociedade livre, justa, solidária e menos desigual".

ORM News

Funcionários dos Correios entram em greve no interior do Estado






Os funcionários dos Correios decidiram aderir à greve nacional e paralisar as atividades por tempo indeterminado a partir desta quinta-feira (27). A categoria luta contra a privatização dos Correios e as demissões com os direito negados aos trabalhadores. Até o momento, dos 36 sindicatos, 33 aderiram à greve.

A assessoria dos Correios informou em nota que as medidas necessárias serão tomadas para que a população não seja prejudicada pela paralisação dos serviços. Foi informado também que as agências localizadas na região metropolitana de Belém funcionam normalmente nesta quinta-feira (27).

No interior do Estado, algumas agências aderiram a paralisação, como em Redenção, onde 75% do atendimento está sendo afetado. No município de Paragominas, a maioria dos funcionários votaram em favor do ato, assim como os de Castanhal. Já em Santarém, os funcionários decidiram em assembleia não prosseguir com o protesto.

No entanto, o sindicato da categoria está convocando para a paralisação a partir das 22h do dia 27.

ORM News
Postagens mais antigas Página inicial

Total de visualizações

Arquivo

Postagens populares