Polícias Civil e Militar prendem em Igarapé-Açu grupo que assaltou lotérica em Bonito




Apreensões


As Polícias Civil e Militar de Igarapé-Açu, nordeste paraense, prenderam nesta terça-feira, 20, durante operação policial, três pessoas envolvidas em um assalto realizado ontem a uma agência lotérica no município de Bonito. Abias Lima de Araújo, de 48 anos, que seria motorista de táxi; Arlen João de Almeida, 22, e Ruan Jonatha Costa Reis, 22, são acusados de entrar no local e praticar o assalto, após renderem funcionários e clientes. Das vítimas, os assaltantes roubaram quantias em dinheiro. As prisões foram realizadas durante a madrugada.

Segundo o delegado Augusto Damasceno, responsável pelas investigações, a operação policial mobilizou policiais civis e militares dos municípios de Igarapé-Açu, São Francisco do Pará e Castanhal. As prisões foram realizadas após a equipe policial seguir um táxi usado pelos assaltantes na fuga da cidade. O veículo era conduzido por Abias de Araújo. Segundo ele, o assalto à agência lotérica ocorreu por volta de 13 horas. Foi iniciada uma perseguição e foi feito um cerco nas matas da vila Santo Antônio do Prata, zona rural de Igarapé-Açu.

Já, durante a madrugada desta terça-feira, o táxi foi interceptado pelos policiais na área. "Os policiais viram o momento em que dois envolvidos no assalto entraram no carro", detalha o delegado. Houve troca de tiros e todos os envolvidos foram presos. Grande parte do dinheiro roubado foi recuperado. As investigações apontaram que Ruan Costa é foragido do Complexo Penitenciário de Americano. Os acusados foram autuados na Delegacia de Igarapé-Açu e estão recolhidos à disposição da justiça.

Blogdomanoelsilva.blogspot.com.br