Polícia Civil prende acusado de facilitação de entrada e fuga de autores de furto de cofre em Belém


Porteiro de prédio onde ocorreu roubo milionário é preso preventivamente (Foto: via Whatsapp)


A Polícia Civil prendeu, nesta quarta-feira, 26, em cumprimento a mandado de prisão preventiva, Mauricio Henrique dos Santos Cruz, acusado de facilitação da entrada e saída de três homens que furtaram um cofre com mais de R$ 2 milhão em valores, no mês de junho deste ano, do interior do edifício Diamond Tower, no bairro da Campina, centro de Belém. O acusado trabalhava como porteiro do prédio na ocasião.

Ele foi preso, em sua casa, no bairro da Marambaia, pela manhã, por policiais civis da Divisão de Repressão a Furtos e Roubos (DRFR), em decorrência de pedido de prisão preventiva representada à Justiça.

Segundo a delegada Daniela Santos, da DRFR, o preso não esboçou qualquer reação ao receber a voz de prisão e foi conduzido para a sede da Unidade Policial, nos altos da Divisão de Repressão ao Crime Organizado (DRCO), no bairro da Sacramenta, em Belém, onde prestou depoimento e negou envolvimento no furto.

Ele já foi recolhido na Central de Triagem da Marambaia para responder pelo crime. Os três suspeitos do furto estão sendo investigados.