Delação de Jorge Luz entrega Renan e Jader Barbalho





Uma matéria publicada no site da revista Veja, na tarde desta terça-feira (01),  destaca que "a delação do doleiro Jorge Luz e do filho, Bruno deverá ser devastadora para o PMDB". Acusado de abastecer o partido, Luz entregou ao juiz Sergio Moro nesta terça (1º) uma série de extratos bancários com contas no exterior que foram usadas para pagamentos de propinas a caciques do partido, como Renan Calheiros e Jader Barbalho.
Segundo a matéria, os pagamentos foram feitos pela empreiteira Schain em troca de benefícios em contratos com a Petrobras.

Na contratação da plataforma V.10.000, em 2007, por exemplo, foram repassados 185 mil dólares aos dois (ver abaixo). O dinheiro também teria beneficiado o deputado Aníbal Gomes (PDMB-CE) e o funcionário da BR Distribuidora Sillas Oliva Filho.
Divulgação/Reprodução

Segundo os extratos de Jorge e Bruno Luz, só no contrato desta plataforma a Schain movimentou 3,5 milhões de dólares em propinas entre os anos de 2007 e 2008.

Por: VEJA